Amor felino

19:13

Eu nasci e morei até os 11 anos em um sítio e isso me proporcionou uma infância cheia de animais e natureza exuberante. Por isso acho que o amor pelos animais já nasceu comigo e me segue até hoje apesar de agora morar na selva de pedra. Lá em casa os animais eram de todos da família, nenhum era só meu, mas agora eu posso dizer que tenho animais pra chamar de meus: minhas gatas. Na verdade não sou eu que tenho elas, são elas que me tem, porque faço de tudo por elas, mimo, dou carinho e amor, então acho que elas não me pertencem e sim eu quem pertenço a elas, fazem de mim o que querem.

Estava me sentindo muito sozinha e gostaria de uma companhia, pensei em um cãozinho, mas como fico fora o dia todo optei por gato já que eles são mais independentes nessa questão apesar de não ter muitas experiências com os felinos, mas não me arrependi nem um pouco. Então fui em uma agroveterinária onde estavam doando filhotes e me apaixonei por uma gatinha siamesa linda e trouxe ela pra casa, dei o nome de Khaleessi, por causa da série Game of Thrones.

A Khaleessi é uma Lady, tem bons modos e não foi nada difícil ensiná-la a usar a caixinha. Ela adora um colo e um carinho na cabeça, é calma, mas super assustada com qualquer barulho ou coisa diferente do que esteja acostumada, diria que é medrosa e mimada demais, mas é muito carinhosa comigo.

Depois que já estávamos juntas há 5 meses surgiu outro bebê na minha vida. Uma colega de trabalho encontrou uma gatinha na rua, mas não podia ficar porque tinha muitos cães que não gostavam de gatos e era perigoso que eles a machucassem e como eu tenho um coração super derretido aceitei ficar com ela. Dei-lhe o nome de Katrina porque é um verdadeiro furacãozinho, não sei se é porque é filhotinha, mas ela é muito mais ativa, caçadora, corajosa e nem aí pra barulhos, não gosta muito de carinhos e adora morder.

Personalidades diferentes que no começo se estranharam bastante, brigaram, rosnaram, mas agora já são as melhores amigas, dão banho uma na outra e dormem juntas. E eu como uma mãe super coruja fico babando nas duas, meu celular e Instagram tem mais fotos delas do que de qualquer outra coisa e estou me sentindo muito feliz e amada com as duas. É incrível como elas me fazem bem e mudaram meu humor pra melhor, me sinto muito agradecida pelo carinho e amor felino que recebo todos os dias através de miados, mordidas, arranhões, ronronares e olhares.











Posts Relacionados

6 suspiros

  1. Post lindo, e impossível eu ler e não querer escrever algo. rsrs
    Eu sempre quis ter um bicho pra chamar de "meu", e quando vim morar na minha casa eu tive a sorte de ter um companheiro que também gosta muito de animais. Surgiu então o Treck um siamês pirata rsrs, e ele nos proporcionou momentos incríveis, nos fez aprender muito. Até que um dia um ser desumano o envenenou, e achávamos que isso nunca iria acontecer, pois ele era castrado e as voltas dele era aqui na rua mesmo e todo mundo sabia que era nossa. Mas o ser humano é a pior raça que existe e não ia perder a oportunidade de maltratá-lo. Foi dolorido, sofremos muito e não esquecemos dele de forma alguma. Enquanto ele estava conosco surgiu uma gata Galega no quintal, bem sofrida, dei comida e ela acostumou. Depois de uns dias ela trouxe 3 presentes pra gente, 3 machos. Um morreu com poucos dias, pois já devia está doente, chegaram cheios de pulgas e acredito que ele era o mais fraquinho e teve complicações que não deu pra gente socorrer, ainda mais que foi na época de carnaval e ninguém trabalha por aqui :/ (sofri muito). Quando o Treck foi envenenado eu quis protegê-lo e tive que deixar os dois pequenos no quintal, pois ele estava fraco e não se davam muito bem, tinha medo deles o machucarem. Resultado, perdi um deles pro mesmo mal :/ Fiquei com a Galega e o meu Menino que hoje já tem 1 ano. Nesse tempo eu tive medo de aplicar o anticoncepcional na mãe ( eu sei que faz mal, mas no momento não tenho condições de operar, é muito caro aqui e não tem nenhuma ONG ou instituição que faça gratuitamente). Resultado, ela ficou prenhe e nos deu mais 3 presentes, dessa vez 3 fêmeas. Não achamos ninguém que quisesse adotá-las, então ficamos com elas. E para completar o pacote, apareceu uma gatinha aqui na rua bem sofrida, eu passei a dar comida e água sempre, até que um infeliz resolveu maltratá-la e eu me deparei com ela com a boca sangrando. Sério, parece que as pessoas não gostam de ver ninguém ajudando os animais, sentem inveja com certeza. Adotamos ela e hoje temos 5 gatos (1 macho e 4 fêmeas) em casa e a mãe deles entranhou muito a nova moradora e não acostumou de jeito algum, passou a bater nos filhos. Continuo cuidando dela, mas ela vive solta no quintal, a mercê da vida, mas todo dia rezo e peço sua proteção. :/

    É isso, apesar das poucas condições eu sempre procuro ajudar de alguma forma, e me doe muito não poder fazer mais :/

    Suas filhotas são lindas ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai Jaque que história linda a sua com os miaus <3 <3

      Obrigada pela visita e pode sentir-se a vontade pra desabafar quando quiser hehe.

      Beijos :*

      Excluir
  2. OMG você tem duas agora! Que fofinhas! hahahaha Quero tanto ter um gatinho! Aqui na Itália estou sentindo muita, muuuuuita falta de ter bichinhos de estimação. Toda vez que vejo alguém passeando com um me dá vontade de ir abraçar, brincar, etc. E gatos aqui são bem comuns também, muita gente tem. Só que não dá pra gente adotar, é muito difícil depois levar pro Brasil né..sem contar que com 6 cachorros em casa, um gato não será bem recebido. hahahaha Que bom que elas estão te fazendo tão bem! <3
    Ahh,mudei meu blog de endereço! Agora tem domínio próprio! hahaha É blogdathu.com.

    Beijo enorme Ana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, tenho duas gordas e lindas gatinhas.

      Thuuuuu, preciso te ver agora que cê voltou pro Brasil <3 <3

      Excluir
  3. nhai *-* que delícia de post! E que lindas que elas estão ♥ Gatos são amor demais né!

    Estou com saudades de ti! Te adoro sempre ♥

    Estou aqui agora: http://www.encantamientos.blog.br/ ♥

    ResponderExcluir